Duflair

SUB-REGIÃO DE FRONTONNAIS, SUDOESTE

A história começou no vilarejo de Labastide-Saint-Pierre, entre Toulouse e Bordeaux, na encosta do rio TARN, perto do rio GARONNE. 
Em 1878, Prosper Arbeau começar a aproveitar dessas terras exigentes. Nesta época, tudo era em policultura: grão, pepinos, palha, ... E também a videira!
Nesta sub-região chamada de Frontonnais se produz vinhos desde a antiguidade para abastecer o consumo dos habitantes de TOULOUSE. Mas no início do seculo XX, a França também necessita de álcool e por isso, Pierre Arbeau, filho de Prosper, decide construir uma destilaria, junto à adega para produzir vinhos.

Mas é com o filho Jean-Claude que a Maison focou mesmo na produção de vinhos e exportou pelo mundo todo, graças ao engarrafamento na vinícola. Hoje, mais de 200 depois, a Maison ainda ficou na família: Anne e Geraud Arbeau, irmãos, são os atuais gerentes e dono da vinícola.

Tipo: Tinto

Casta(s): 35% Merlot, 35% Syrah e 30% Gamay

Teor Alcoólico: 12%

Açúcar: 1,9 g/l

Acidez total: 58,7 mEq/l 

PH: 3,83

Vinificação: Clássica. Em cuba durante pelo menos 10 dias.

Envelhecimento: 8 meses em cubas de inox.

NOTAS DO ENÓLOGO

Visual: Cor groselha límpida e cristalina.

Aroma: O nariz apresenta aromas de pequenas frutas vermelhas.

Paladar: Em boca, o frescor persiste junto com as aromas de frutas e no final de boca, as notas florais aparecem.

Harmonização: Pratos mais leves como carnes brancas, massas e queijos mais leves.

Temperatura de Serviço: 16°C.