Vinho Verde Fonte de Santa Quitéria

AGRELA, SANTO TIRSO, PORTUGAL

Inserida na Região Demarcada dos Vinhos Verdes, considerada a maior região

de Portugal e uma das maiores regiões demarcadas do mundo, é uma região caracterizada por uma produção dispersa por múltiplas explorações agrícolas

de pequena dimensão.

A Vercoope, União de Adegas Cooperativas da Região dos Vinhos Verdes,

foi fundada em 1964, em Agrela- Santo-Tirso. Impulsionada pela união,

tem como objectivo engarrafar e comercializar os vinhos produzidos nas Adegas Cooperativas de Amarante, Braga, Famalicão, Felgueiras, Guimarães, Paredes

e V. Cambra, e de mais de 5000 viticultores. Defendendo uma política

de qualidade e prestígio para os seus vinhos com denominação Vinho Verde, ocupa por direito próprio um lugar de destaque no setor, sendo naturalmente considerada uma instituição de referência no panorama regional e nacional.

Tipo: Vinho Verde

Casta(s): Arinto, Azal, Loureiro e Trajadura

Teor Alcoólico: 9,5%  

Açúcar: 10-15 g/l 

Acidez total: 5,80 g/l  

PH: 3,30

Vinificação: O vinho passa por jovens cubas de aço inoxidável.

NOTAS DO ENÓLOGO

Visual:  Vinho de cor citrina.

Aroma: Apresenta aromas a frutos cítricos e maçã verde.

Paladar: Em boca, vinho cheio de vivacidade, equilibrado e delicado.

Harmonização: É ideal para acompanhar pratos de peixe, marisco,  carnes brancas, assim como variados tipos de entradas.

Temperatura de Serviço: Entre 8°C a 10°C. 

Deve ser bebido jovem, idealmenteno ano seguinte à colheita.